Opções para o divórcio

Opções para o divórcio
0 Flares LinkedIn 0 Facebook 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

Assim que você começa a pensar em divórcio, quase sempre uma começa percepção nauseante e indutora de ataque de pânico de perder metade de seu patrimônio líquido. Você se pergunta se vale a pena sair da relação e correr o risco de perder parte do patrimônio. Mas, isso tudo tem uma solução: pensar em opções para o divórcio. A mediação, por exemplo, pode nem ser uma opção em sua mente, mas deveria ser.

Opções para o divórcio: uma maneira empática de resolver

Existem maneiras de garantir que seu futuro financeiro não esteja destinado ao desastre. Em primeiro lugar, certifique-se de envolver um consultor financeiro especializado em divórcio em sua equipe, para que esteja totalmente informado sobre todas as possibilidades criativas de acordos que possam estar abertas para você.

Um caso bem conhecido é da advogada e mediadora americana Denise French. Um casal casado há 41 anos a procourou para obter ajuda em seu divórcio. Eles foram completamente amigáveis, mas tinham um patrimônio líquido significativo e não tinham certeza de como dividir seus bens. Vários advogados lhes disseram para “dividir 50/50”.

Esse casal não apenas tinha um patrimônio líquido significativo em investimentos, mas também possuía um negócio e várias propriedades comerciais. O marido ficou transtornado com a ideia de dar à esposa metade de seus negócios. A esposa não trabalhava no dia a dia no negócio e eram necessárias habilidades e licenças especiais para operar a empresa. Além disso, isso era algo que ele havia construído do zero. Seu coração estava no negócio. Algumas das propriedades comerciais foram alugadas e sob contrato com inquilinos que o marido havia criado. As outras propriedades comerciais ficavam em áreas atualmente deprimidas, não muito seguras e o marido vinha tentando vendê-las há anos. O casal simplesmente não achava que dividir ao meio fosse a coisa certa a fazer. Eles foram encaminhados à mediadora para entender as opções para o divórcio.

Um exemplo de mediação

Depois de reunir todos os documentos financeiros e concluir sua análise, Denise juntou dois relatórios para os clientes. O primeiro refletiu uma divisão exata de 50/50. Isso deu à esposa metade de tudo para uma divisão uniforme de 50/50. A segunda foi minha solução criativa de liquidação que resultou em uma divisão líquida de 60/40, mas levou em consideração o planejamento tributário e as consequências, bem como as necessidades de cada parte, conforme planejaram para a próxima fase de suas vidas.

Na opção de liquidação de mediação criativa, o marido ficou com 100% de sua entidade empresarial, as propriedades alugadas e a esposa ficou com 100% dos ativos investíveis. Ela saiu com 40% do patrimônio, mas sem risco para o negócio, sem necessidade de trabalhar novamente e um plano financeiro que lhe dava renda suficiente para viver o dia a dia em uma casa paga e viajar para o exterior várias vezes ao ano. Parte de seus investimentos foi feita em produtos que garantiam renda vitalícia e outra em investimentos que conseguem acompanhar a inflação. Ela tinha proteção, segurança e um plano financeiro consistente. Ele tinha o negócio que queria e os imóveis para alugar que também queria.

Desnecessário dizer que o casal ficou emocionado ao encontrar uma maneira de o marido manter os bens que desejava e a esposa com bens suficientes para viver confortavelmente pelo resto da vida.

Por esses casos que a mediação é uma opção para o divórcio mais segura, empática e financeiramente própera.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Flares LinkedIn 0 Facebook 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×