Papo Rápido: Diferença entre Arbitragem e Mediação

Diferença entre arbitragem e Mediação
0 Flares LinkedIn 0 Facebook 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

Ao escolher uma solução para resolver seus problemas, é comum ficar em dúvida qual opção escolher. Aqui na Arbitralis, por exemplo, temos diversas. Entretanto, percebemos que há uma certa hesitação comum quando se tem que escolher entre arbitragem e mediação. Por isso, o Papo Rápido de hoje é direto ao ponto.

Diferenças entre arbitragem e mediação

A mediação é uma forma de “resolver uma conversa” quando há um desacordo no trabalho.

A mediação é realizada por uma pessoa neutra (um ‘mediador’), que pode ser a Arbitralis. O mediador é imparcial. Isso significa que ele não tomam partido, mas sim para ajudar todos os envolvidos a encontrar uma solução com a qual todos concordem.

Não se trata de julgar quem estava certo ou errado no passado, mas sim de como concordar em trabalhar juntos no futuro.

A mediação é uma maneira rápida de resolver desacordos no trabalho e é:

  • menos formal
  • flexível
  • voluntário
  • confidencial
  • geralmente não é legalmente vinculativo

Já uma arbitragem, o árbitro analisa os erros e acertos legais de uma disputa e toma uma decisão. Uma das grandes diferenças entre arbitragem e mediação é de que, uma vez que o árbitro tenha chegado a uma decisão, ela vincula as partes, concordem ou não com ela.

Ou seja: essa solução é muito parecida com a forma como um processo judicial é decidido por um juiz, exceto que o processo não ocorre em uma sala de tribunal e não é aberto ao público. Como em um processo judicial, geralmente há uma parte vencedora e uma parte perdedora em uma arbitragem.

Pontos importantes entre arbitragem e mediação

Uma mediação bem-sucedida resulta em um acordo assinado pelas partes, ao passo que uma arbitragem contestada resulta em uma decisão do próprio árbitro sem o acordo das partes. Em uma mediação, não existe parte vencedora ou perdedora, porque não há decisão vinculativa sem que ambas as partes concordem com uma.

Um mediador ajuda as partes a negociar um acordo que satisfaça todas as partes. Um mediador não decide uma disputa.

Um árbitro funciona mais como um juiz, decidindo o resultado de uma disputa com base em evidências e leis apresentadas em uma arbitragem.

A arbitragem é vinculativa e o resultado pode ser executado como uma ordem judicial. As partes devem concordar em arbitrar e assinar uma convenção de arbitragem. Já a mediação é mais como uma conversa que precisa de alguém para orquestra-la.

Se você quiser saber mais sobre, fale conosco.

2 thoughts on “Papo Rápido: Diferença entre Arbitragem e Mediação

  1. Pingback: Conciliação: o que saber - Arbitralis

  2. Pingback: Quais são os três tipos básicos de resolução de disputas? - Arbitralis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Flares LinkedIn 0 Facebook 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×